The 4400 – Promises Broken (Capítulo 16 traduzido)

Publicado: 21 de novembro de 2010 em The 4400

Capítulo, 16, traduzido por Helena Padim.

Pessoal, o blog tem tido um bom número de visitas, mas não estou vendo comentários: são poucos comparados com as visitas. Lembrem-se que a tradução só continuará caso haja comentários.

DEZESSEIS

 

Tom foi o último a comparecer à reunião no gabinete de Meghan. Ela, Diana e Marco o esperavam.

Apesar de haver cadeiras suficientes para se sentarem, estavam todos de pé. Marco estava encostado na parede de vidro que separava o gabinete da sala dos agentes. Diana havia se posicionado em frente à mesa de Meghan, e esta fingia admirar os pôsteres de filmes clássicos com os quais havia decorado a parede do escritório.

— O que eu perdi? — perguntou Tom, sem ter certeza se queria realmente saber o que havia de errado.

Meghan virou-se para encará-lo.

— Acabamos ter a resposta, da Segurança Nacional, sobre aquele relatório que arquivamos nos interceptadores de dados. — Ela caminhou até sua mesa e entregou uma pasta a Diana, que a repassou para Tom. Enquanto ele abria e examinava os papeis dentro desta, Meghan continuou. — Eles compartilharam nossos dados com o Departamento de Defesa, a CIA, o FBI e a Agência de Segurança Nacional.

Sorrindo, irônico, Tom disse:

— Eles o fizeram imediatamente, no menor tempo possível? – Seu sarcasmo foi acolhido por olhares silenciosos e amargos. — Memória barra pesada.

Diana respondeu:

— Não se sinta mal. Meu arquivo “sopa de letrinhas” teve a mesma resposta.

— É porque estão de brincadeira conosco — disse Meghan. — Vá para a última página.

Ele fez o que ela pediu. Na última folha do relatório de trinta páginas, uma análise sumária exibia as conclusões oficiais da Segurança Nacional na Ordem do Dia do Presidente.

Enquanto Tom lia o relatório da Inteligência, Marco aproximou-se dele.

— Ninguém mais tem qualquer pista das remessas desaparecidas de combustível nuclear, mas a DARPA1 concorda com nossa conclusão sobre o que está sendo construído.

Dando um rápido passeio pelo texto, os olhos de Tom se arregalaram quando leram os dois últimos parágrafos.

— Eles estão falando sério? Acham que isto é evidência de que Jordan Collier está montando um dispositivo nuclear?

— Não um dispositivo qualquer — corrigiu Diana. — Um míssil de antimatéria de última geração.

Marco acrescentou:

— Não importa que a ideia seja louca. Um míssil comum tem que ser liberado de maneira perfeitamente correta para conseguir ser detonado. Um errinho qualquer e tudo acaba em um grande fracasso. Mas uma arma de antimatéria seria exatamente o contrário. Seria quase impossível impedi-la de explodir. Um só erro e bum!

— E é por isso que o pessoal do Pentágono está dizendo que só a equipe de Collier poderia fazê-lo — disse Meghan. — Acham que algum dos seus positivos superespertos está construindo uma arma apocalíptica.

Tom sacudiu a cabeça, descrente.

— Eles só podem estar brincando. Isto não faz o menor sentido! — Notando os olhares curiosos de seus colegas, ele continuou. — Não estou dizendo que confio em Jordan Collier, mas com todos os poderes malucos que seus seguidores têm, não vejo por que ele precisaria de algo desse tipo.

Diana respondeu:

— Eu não vejo por que ele quereria isto. Seu movimento tem se dedicado totalmente a prevenir uma catástrofe global e não a causar uma. Quem quer que tenha escrito esse relatório não faz a menor ideia de como funciona a cabeça do Jordan.

Meghan lançou um olhar encorajador para Marco, que olhou para os próprios sapatos por um momento, antes de dizer:

— Há outra explicação possível para as conclusões do relatório: alguém fez planos, e este relatório foi preparado com o intuito de realizá-los plenamente.

A suspeita tornou a face de Diana sombria.

— O que você quer dizer com isso?

— Que o governo quer uma desculpa para lançar um ataque militar de máxima amplitude sobre a Terra Prometida – respondeu Marco.

— E nós acabamos de ajudá-los a formulá-la — concluiu Tom, sua voz tensa de raiva. Ele fechou a pasta e a jogou sobre a mesa de Meghan. — Maravilha… Temos que impedir que isto aconteça. — Ele lançou um olhar zangado para Marco. – Quando essa Ordem do Dia vai ser entregue ao presidente?

Marco repassou a pergunta para Meghan com um olhar.

Ela soltou um suspiro de derrota e olhou para Tom.

— Foi encaminhado para a Casa Branca uma hora atrás.

 

 

Notas:

1 DARPA – Defense Advanced Research Projects Agency – A Agência de Pesquisa em Projetos de Defesa Avançados é um órgão oficial americano cujo objetivo é manter a superioridade tecnológica dos Estados Unidos e alertar contra possíveis avanços tecnológicos de adversários potenciais. Foi criado em 1957, em reação à vitória tecnológica da então União Soviética por ter lançado o primeiro satélite artificial da história, o Sputnik.

 

Anúncios
comentários
  1. Mandy Intelecto disse:

    Aeeeeeeeee….mais um capitulo!!!
    Nem comecei o primeiro livro ainda, mas tá valendo!!!!!

    Não para!!!!

  2. Paulo disse:

    Oba! Mais um capítulo!!!

    Ainda bem que estou acompanhando por feed no MobileRSS. Ainda nem li… 😀

    Ótimo trabalho!

  3. Fábio Magalhães disse:

    Bommm, eu liii este capítulo rs 🙂
    Como se diz que Julio Cesar disse rs 🙂 “Jacta Alea Est.” que traduzindo quer dizer:

    Os dados estão lançados/A sorte está lançada.

    Espero ver oque vai acontecer.

  4. Aline disse:

    putz. agora ferrou de vez. guerra.

    aguardando o proximo…

    até!

  5. Beatriz Machado disse:

    Ai q tá… tão chegando perto!

    Obrigada pela tradução!

    Abraços a todos os fãs e aos tradutores.

  6. Fábio Magalhães disse:

    Sobre antimatéria, pelas minhas pesquisas os dois autores fizeram episodios para serie ou series Star Trek, o que deveee 🙂 ter influenciado David Mack (autor do segundo livro) ou ate mesmo Greg Cox (autor do primeiro livro)a colocarem isto na historia (no caso não sei se ambos si influenciaram. Quando pensei em bomba de neutrons pensei que seria devido a bagagem do trabalho em Star Trek.

  7. Fábio Magalhães disse:

    Vinicius não pare de postar por favor.

  8. Marcelo disse:

    soh deixando minha marca…

  9. Marcelo disse:

    Pois eh, inteh parece q o governo ia deixa queto o ataque(mal sucedido)contra a terra prometida….

  10. Vania disse:

    Nossa muito bom. aguardando as cenas dos proximos capitulos

  11. Douglas disse:

    O mano, oq houve com a tradução cara?
    tava quase acabando.tamo sentindo falta.
    para nao veio.
    abraço t+

  12. Muca Velasco disse:

    Seria tao bom VER isso! Mas ok, temos a traducao! Obrigada mais uma vez aos tradutores!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s